DISCOGRAFIA

[ES]passaro liberto.jpeg

Pássaro Liberto (single)

Cantora, pianista, compositora e produtora, Eliane Salek registrou em estúdio 6 novos singles, para lançamento em 2019. Com Eliane Salek Trio (piano / voz / arranjos), Rômulo Gomes (baixo / vocal) e Fabiano Salek (bateria / vocal), vem produzindo desde 2018 videoclipes elogiados pelo público e crítica, escolhida para a série do programa Um Café Lá Em Casa do guitarrista Nelson Faria.O reggae/jazz Pássaro Liberto é composição de Eliane com letra da poetisa Alice Monteiro.

[ES]Barco a vela.jpeg

Barco a Vela (single)

Composta pela cantora, pianista e compositora Eliane Salek, Barco a Vela é uma poesia visual musicada. Descreve a suavidade das cores do mar, do ritmo das ondas, a beleza do entorno das nuvens no céu azul, o calor do sol e os sentimentos que são revelados diante de tal paisagem. Com seu novo trabalho, o Eliane Salek Trio, a música ganhou um novo arranjo contemporâneo, próximo ao pop/jazz. Com Eliane Salek (Produção, Arranjo, Voz, Piano, Teclados) Rômulo Gomes ( Baixo ) Fabiano Salek (Bateria). Gravado em 2019 no Estúdio Umuarama, Mix e Master por Ricardo Calafate.

Modinhas e Chorinhos Eternos

O disco teve participações especiais de Rosane Aranda (soprano) e do percussionista Fabiano Salek. O trabalho obteve críticas elogiosas tanto de críticos da música popular quanto da música clássica. “Quando Noel Rosa morreu, uma música em sua homenagem dizia que nele o Senhor encarnara a alma sonora do samba. Pois em Eliane Salek, o Senhor encarnou a alma sonora da música!!” (Marcus Goes - movimento.com)

[ES]ModinhasChorinhosEternos.jpeg
[ES]MisturaBrasileira.jpeg

Mistura Brasileira

Mistura Brasileira tem repertório de clássicos do choro e samba. Nele, Eliane Salek se lança definitivamente como cantora, além de reafirmar seu talento como eximia flautista e pianista. O disco tem importantes participações especiais de Nelson Sargento, Délcio Carvalho, Célia Vaz, Mário Pereira, Marco de Pinna, Fabiano Salek, Daniela Spielman, produção de Eliane Salek,co-produção de Josimar Monteiro e texto de Ricardo Cravo Albin. 

Baiôro

Foi seu primeiro trabalho autoral , com tônica no instrumental, estilo jazz brasileiro, com solos de piano e flauta, vocal na faixa-título Baiôro (letra e música de sua autoria) e em Xote das Meninas, de Luiz Gonzaga, recomendado pela critica especializada (José Domingos Raffaelli, O Globo). Participação de músicos renomados como: Romero Lubambo, Raul Mascarenhas, Orlando Silveira, Nilton Rodrigues, Vanderlei Pereira,Jessé Sadoc, entre outros.

[ES]Baioro.jpeg
[ES]40AnosdePalco.jpeg

Eliane 40 anos de Palco

São ricos 40 anos de paixão pela música, completos em 2015, vividos em tão diferentes palcos - da Salle Debussy do CNR e da Radio Fréquence Jazz de Lyon ao festival de jazz de Hilden, ao lado de gente querida, estrelas como ALAÍDE COSTA, SIVUCA, TOQUINHO,PAULINHO DA VIOLA, ELIZETH CARDOSO, grandes maestros como Eleazar de Carvalho, Alceo Bochino, Silvio Viegas e músicos de primeira grandeza. Um sonho realizado que merece comemoração:  o lançamento do CD. Produzido e gravado em 2015  conta com a participação de grandes músicos como Marcelo Caldi, Nicolas KrassiK, Paulo Santoro, Rogerio Caetano, Fabiano Salek entre outros e o repertório pontua minha trajetória na música brasileira com composições de minha autoria, Tom Jobim, Ernesto Nazareth, Billy  Blanco e Vinicius de Moraes. Inclui também Nelson Sargento, que divide uma faixa comigo.

O disco teve participações especiais de Rosane Aranda (soprano) e do percussionista Fabiano Salek. O trabalho obteve críticas elogiosas tanto de críticos da música popular quanto da música clássica. “Quando Noel Rosa morreu, uma música em sua homenagem dizia que nele o Senhor encarnara a alma sonora do samba. Pois em Eliane Salek, o Senhor encarnou a alma sonora da música!!” (Marcus Goes - movimento.com)

Modinhas e Chorinhos Eternos

[ES]ModinhasChorinhosEternos.jpeg